quinta-feira, 11 de fevereiro de 2010

Leminski


[...] A vocês eu deixo o sono.
O sonho, não.
Esse, eu mesmo carrego.

1 comentários:

Alexandre Spinelli disse...

Lindo o texto do Leminski, lindo o complemento, meio egoísta, mas tudo bem... :)
Tenho bastante sonho pra carregar também... rs
beijo